Contraste na beira do leito


13054_2016_1215_fig4_html

https://ccforum.biomedcentral.com/articles/10.1186/s13054-016-1215-7

Conclusion

The use of contrast echocardiography in the critically ill is safe compared to other contrast agents, feasible at the bedside and has the potential to rescue undiagnostic echocardiograms. Although the agents are only indicated for left ventricular opacification, the off‐label use of MCPE holds promise as being a potential method to assess myocardial perfusion at the bedside. The technology has been available for over two decades and is yet to find a place in regular clinical practice, but as a result of ever evolving sophistication of microbubble agents, software and hardware still holds considerable promise. The utility of MCPE in the ICU has not been extensively considered to date but potentially may have a role in the challenging arena of accurate and timely diagnosis of ACS in the critically ill.

.

Uma utilidade perdida na ecocardiografia foi o contraste no leito para diagnóstico rápido de infarto.

.

Com um custo inferior a qualquer outra modalidade de imagem e comparável a curva seriada de Troponina, o exame deixou de ser realizado.

.

Com um aparelho portátil simples e uma seringa com microbolhas, o exame dá o diagnóstico em 5 minutos.

.

Por que foi abandonado?

Desvios no caminho, uso milagroso no tratamento, riscos abstratos…

.

http://eurheartj.oxfordjournals.org/content/ehj/29/3/299.full.pdf

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s