Prova 2016-2017

.

.

Nem de propósito, planejando cuidadosamente, uma diretoria conseguiria fazer duas provas seguidas problemáticas como foram as duas últimas.

.

Em 2016 a prova foi cancelada por falta de

Computador. Ou melhor, por falta de um plano B e obrigou os candidatos a uma nova avaliação no segundo semestre.

.

Em 2017 o computador funcionou mas não souberam avaliar a dificuldade da prova.

Ficamos com os inexplicáveis 16,6% de avaliação.

.

Um reconhecido professor da BP, membro da diretoria, já avisou seus alunos que ficará assim mesmo.

.

Alguns aprovam a baixa entrada de ecocardiografistas no reino dos titulados.

Não sei se estes titulados passariam na prova deste ano…

.

Quanto mais gente de fora, pior para o método. Tenho convicção.

.

Nenhuma diretoria anterior conseguiu este feito histórico, o bicampeonato em avaliações equivocadas ou anuladas.

.

Deixe uma resposta