No ASE 19, as empresas compareceram em peso!

 

.

https://www.asescientificsessions.org/wp-content/uploads/2019/06/ASE_FinalProgram2019-v16-Updated-for-web-TM.pdf

.

 

.

.

Nos EUA, as empresas acreditam na ecocardiografia como negócio e participam ativamente do congresso.

.

Não existe no mundo um mercado amplo, acessível e pouco explorado de ecocardiografia como o do Brasil

.

Com quase 2 mil sócios pagantes , o DIC concentra parte considerável do mercado em seu congresso.

.

Podemos considerar válido o dobro disto, 4 mil ecocardiografistas, como atuantes no mercado de executores.

.

No mundo, poucos países oferecem esta condição.

.

E mesmo assim, algumas empresas não tem interesse no congresso DIC 2020?

.

Está na hora de investir. Não deixe 2020 passar em branco.

.

Empresas no mercado de Ecocardiografia, muita atenção!

.

Após 5 anos de estagnação , o mercado de máquinas de ecocardiografia promete acordar.

.

Participar ativamente do congresso DIC 2020 vai ser o marco divisório entre as empresas que vão vender máquinas em 2020/21 e as que vão ficar reclamando nas reuniões dos ternos vazios da diretoria.

.

.

A maioria das máquinas em uso no Brasil não tem Strain!

.

A quase totalidade delas têm mais de 5 anos e a metade deve ter mais de 10 anos.

.

Até a EchoTalk estava com máquinas de US com mais de 10 anos até Junho deste ano!

.

Os juros estão caindo…

.

Ano que vem o ecocardiografista vai ter que gastar com seu aparelho e meio de sustento.

.

Toda empresa que merece ser mencionada na hora de trocar sua máquina é obrigada a ter um espaço no DIC 2020.

.