Ganhar peso para reduzir a Disfunção Diastólica?


 

 

1a

.

Para o paciente acima, o volume atrial de 65 ml leva a 36ml/m2 no cálculo indexado.

1b.

.

O mesmo paciente, após engordar 15 Kg , ficou com 33ml/m2 no cálculo indexado.

.

É quase consenso mundial que o volume indexado do átrio esquerdo é o melhor marcador de Disfunção Diastólica.

.

Mas o cálculo da superfície corporal permite a melhora do marcador com a piora de outro, a obesidade. 

Alguém que atinge 31 de IMC não pode melhorar na Diástole!

.

É uma ideia apenas, podemos pensar que em um caso real o volume atrial subiria para 70 ml com a obesidade.

Mas reforça a tese da altura como melhor indexador de volume, pois nossa altura é programada geneticamente, assim como o tamanho do coração. E em situações de alimentação adequada, definem seu coração e altura no núcleo celular.

Já o peso sofre muito mais com a interferência ambiental.

 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s