2 comentários em “A máquina vence o homem

  • Realmente não observei alteração da contratilidade no pico do esforço. Vc tem o dado do Strain basal?
    Usa na rotina do estresse? Como? strain pre e pós?

    • Usamos o strain no repouso e no pico do esforço mas não tenho a foto comigo, está no arquivo completo do exame. Após o Strain apontar alteração, fui capaz de notar também ao bidimensional.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s