Refluxo aórtico: Um velho critério que ainda funciona como novo!


1a

.

http://www.escardio.org/static_file/Escardio/education/eLearning/webinars/general-cardiology/eae-recommendations-assessment-valvular-regurgitation.pdf

.

An end diastolic flow velocity of greater than 18 cm/s predicted a regurgitant fraction of greater than or equal to 40% with a sensitivity of 88.5% and a specificity of 96%. The study suggests that the pulsed Doppler derived end diastolic flow velocity is a useful index in the routine non-invasive assessment of the severity of aortic regurgitation.

.

http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC1024460/

.

1a

.

Por que algo tão velho continua tão bom, incluído em diretriz recente?

Por que o ângulo é zero!! Rara ocasião na ecocardiografia que podemos afirmar um Doppler 100% confiável.

.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s