3D em 1999.

1-s2.0-S0735109799000418-gr2

.

https://www.sciencedirect.com/science/article/pii/S0735109799000418?via%3Dihub

.

CONCLUSIONS

Three-dimensional Doppler revealed new images of the complex jet geometry. In addition, jet volumes, assessed by an automated voxel count, independent of manual planimetry or subjective estimation, showed that 3D Doppler is also capable of quantifying asymmetric jets.

.

Após 20 anos do artigo acima, quem usa o ColorDoppler 3D?

.

 

Strain GLS não deveria ser obrigatório?

402fig05

.

https://www.ahajournals.org/doi/full/10.1161/CIRCULATIONAHA.115.015884?url_ver=Z39.88-2003&rfr_id=ori%3Arid%3Acrossref.org&rfr_dat=cr_pub%3Dpubmed

.

Conclusions—

Impaired left ventricular systolic function is a powerful predictor of HF hospitalization, cardiovascular death, or aborted cardiac arrest in HFpEF independent of clinical predictors. Impaired LS represents a novel imaging biomarker to identify patients with HFpEF at particularly high risk for cardiovascular morbidity and mortality.

(Conclusões
A função sistólica ventricular esquerda prejudicada é um poderoso preditor de hospitalização por IC, morte cardiovascular ou parada cardíaca abortada em ICFEP independente dos preditores clínicos. O LS prejudicado representa um novo biomarcador de imagem para identificar pacientes com ICFEP com risco particularmente alto de morbidade e mortalidade cardiovascular.)
.
1a.jpg
.
Mesmo quando a fração de ejeção é preservada, o GLS pode marcar uma evolução pior.
.
Usaram o Software abaixo:
Digitally acquired baseline echocardiography images in DICOM format with acceptable image quality were uploaded to TomTec software (Munich, Germany) for deformational analyses (2D Cardiac Performance Analysis) as previously described
.
Não sabemos se os valores encontrados são semelhantes aos outros softwares em uso mas parece que abaixo de 20% é anormal e abaixo de 15% é marcador em todos os softwares.
.
A pergunta é:
– Sendo útil e fácil até em casos de riscos menos alarmantes como na HFpEF, por que não é obrigatório?
.

Começa a fazer sentido

1a

.

Embora alguns estudos mostrem a confusão existente:

Em conclusão, a viabilidade das medições da função diastólica do VE é muito alta e a graduação da disfunção diastólica é possível na maioria dos pacientes em ambientes de atenção primária. Diferenças substanciais, no entanto, existem quando a concordância é testada entre 3 critérios documentados, resultando em baixa concordância na interpretação dos dados e, portanto, na estratificação do paciente e no manejo clínico.

https://www.sciencedirect.com/science/article/pii/S0002914915016148?via%3Dihub

.

Mas a facilidade para obter os dados não pode ser desprezada:

1a

.

Determinar a elevação das pressões diastólicas ventriculares ou sua aparente normalidade é obrigação do ecocardiograma.

.

 

Ganho do Color não é fixo e nunca pode ser excessivo.

1a.jpg

https://www.asecho.org/wp-content/uploads/2018/10/Guidelines-for-Performing-a-Comprehensive-Transthoracic-Echocardiographic-Examination-in-Adults.pdf

O CDI é usado rotineiramente em praticamente todas as visualizações de imagens e janelas após a aquisição de imagens 2D. Não é uma imagem independente
técnica. Da mesma forma, protocolos de rotina mostrando apenas CDI sem uma imagem de escala de cinza regular associada não são apropriados. Embora o tempo seja salvo, dados cruciais são perdidos

.

Em tempos de TAVR e MitralClip, alguns ecocardiografistas esqueceram o comando de ganho do Color na posição 5h !!!

.

Não esqueça de equacionar o ganho antes de interpretar o grau de insuficiência

.