Ecoestresse físico: Melhor do que não ter concorrência, é ter concorrência ruim.

Resultado de imagem para concorrência

Ontem um colega contou que na cidade dele, com 150 mil habitantes, só fazem ecoestresse farmacológico.

Ele não é ecocardiografista.

São dois serviços de ecocardiografia e exclusivos de farmacológico.

Em Março ele iniciará na sua clínica com o Ecoestresse físico com um ecocardiografista da cidade vizinha que treinou na EchoTalk para realizar o exame na bicicleta.

Estava preocupado com a reação da concorrência.

Nenhum motivo para preocupação.

É ótimo ter serviços de Ecoestresse farmacológicos como concorrentes!

Bem pior é não ter.

E atrair a atenção de um outro serviço de Ecoestresse físico para a sua região…

DIC 18/19 chega ao fim com sensação de missão cumprida.

O blog EchoTalk parabeniza à todos os envolvidos na gestão 18/19, especialmente ao Presidente Marcelo.

Os esforços por união da ecocardiografia e para a descentralização do conhecimento foram ímpares.

Ver novos ecocardiografistas colaborando com a mais “experiente” turma da área nos anima.

A nova gestão não precisa inventar, apenas manter as excelentes iniciativas!

É só vestir a camisa e manter o rumo!

DAC: Novidades

NÃO usar escore cálcio isoladamente para definir presença de DAC. Essa aqui também já é bem batida. Resumindo, o pcte pode ter escore cálcio nas alturas mas não ter lesão significativa do vaso assim como pode ter escore cálcio de zero e ter uma placa mole, não calcificada, obstruindo 99% do lúmen vascular.

Os europeus já sabem, placas moles são perigosas e têm pouco Cálcio!

.

Eco stress com ≥3 segmentos comprometidos

Três ou mais segmentos com isquemia ao Ecoestresse representam uma área de risco significativa e deve avançar na investigação e intervenção.

.

Lembrar que a escola europeia há muito tempo não indica teste ergométrico isolado como método de avaliação de dor torácica.

.

No Brasil é mais fácil realizar um teste ergométrico sem indicação que um bem indicado, milhares de vezes mais fácil.

Já o Ecoestresse físico é realizado em número mínimo por falta de pessoal treinado.

O que é bem estranho pois a ecocardiografia brasileira é avançada em outras áreas, como 3D, Intervenção e Strain.

Na Europa são bem mais práticos. Só procuram em quem precisa e usam o Ecoestresse físico de maneira adequada.

.

Agradeço ao CardioPapers e ao Gabriel pela sugestão de tema.

IC com ventriculo bom? Ecocardiografia plena nele

PowerPoint Presentation

.

https://doi.org/10.1016/j.hfc.2018.12.004

.

Existe ventrículo bom na verdadeira IC?

Provavelmente não.

Ainda mais agora que sabemos que nem na Estenose Mitral o VE está bom!

.

1a

.

PowerPoint Presentation

.

Escore de probabilidade usa 2 medidas de ecocardiografia ao repouso!

.

A crítica ao uso do Ecoestresse Físico foi baseada em um único estudo em bicicleta supina e cateterização. 

Apesar dos méritos do estudo, não sabemos o efeito da posição supina no retorno venoso e sua influência nas onda E e e´, já que exercício aeróbico deitado não é fisiológico na espécia humana!

.

Mas o resumo é esse: Ecocardiografia plena na ICpFE

.

 

 

O capítulo de livro que poderia ter salvado o Ecoestresse. De J. Peteiro

9781606922972

http://www.novapublishers.org/catalog/product_info.php?products_id=8409

.

1a.jpg

Evaluation of Coronary Artery Disease by Exercise Echocardiography pp. 347-364
(Jesus Peteiro,Beatriz Bouzas Canalejo Hospital,Univ.of A Coruña, A Coruña, Spain)

.

1a

.

Publicado em 2008, o capítulo do livro acima poderia ter mudado a ecocardiografia com estresse.

.

 

Farmacológico conseguiu matar o Ecoestresse?

1a

exercise in 692

dipyridamole in 4291

and dobutamine in 834

.

Conclusions:

Over the past 3 decades, we observed a progressive decline in the prognostic value of a negative test based on regional wall motion abnormalities, likely reflecting both an increase in risk in patients, as well as a potential decrease in test performance due to concomitant anti-ischemic therapy.

.

Insistir no exame farmacológico como predominante e analisar o espessamento miocárdico eram erros comuns que poderiam matar o ecocardiograma com estresse.

.

Mataram???

.

Nosso alertas para a avaliação geométrica já que o espessamento é um efeito secundário a torção miocárdica e não poderia ser o achado principal nunca foram ouvidos.

.

Sem o retorno venoso do exercício, o coração bate seco e não fisiológico, fazendo do exame farmacológico uma falsa indução de estresse.

.

potential decrease in test performance due to concomitant anti-ischemic therap

.

A afirmação acima não faz sentido pois afetaria todos os testes para isquemia, fato que não foi revelado na cintilografia ou RM.

.

É uma pena para a ecocardiografia mundial o anunciado declínio do Ecoestresse por alguém como o Picano.

Não ocorre em nossos laboratórios nem de nossos alunos espalhados pelo país.

O que deve estar em declínio é o exame farmacológico e a analise do espessamento.

.

 

 

Região de Campinas. A Europa do Ecoestresse Físico

1a

.

A região de Campinas tem 3 milhões de habitantes e pelo menos 14 serviços de Ecoestresse na bicicleta horizontal.

.

Alguns serviços funcionam desde 2002.

.

Mais interessante ainda, todos os serviços concorrem honestamente usando a mesma metodologia da  EchoTalk.

.

E, graças à facilidade do método, todos acertam em igualdade.

.

Esta provado e comprovado, testado pelo rígido mercado de diagnóstico em cardiologia.

.

Milhares de exames anualmente.

.

Pelo menos no assunto Ecoestresse físico, somos muito parecidos com o velho mundo desenvolvido!

.

 

Ecoestresse: Por que atingir a submáxima?

1a

.

Sempre procuramos atingir a frequência submáxima no ecoestresse na bicicleta horizontal.

.

A informação sólida veio das centenas de milhares de ergometrias realizadas e comparadas com a presença de coronariopatia significativa.

.

Mesmo o Ecoestresse físico já testou a hipótese:

The absence or presence of ischemia by stress echocardiography was able to further risk stratify patients with either submaximal or high exercise capacity studies. (Echocardiography 2014;31:340–346)

https://onlinelibrary.wiley.com/doi/pdf/10.1111/echo.12372

.

Mas vemos claramente na cascata isquêmica acima que o alteração segmentar vem antes da alteração do ECG usada na ergometria.

.

Poderíamos utilizar uma frequência menor?

Na bicicleta horizontal podemos acompanhar facilmente todos os minutos do exercício.

Com o tempo e milhares de exames, vimos que raramente a alteração segmentar aparece apenas após atingir a submáxima.

.

O mais comum é já notar as alterações da geometria antes dos 85% da frequência máxima e acaba sendo muito útil pois, acompanhamos o segmento com mais atenção no pico do esforço.

.